Curiosidades

10 de julho na história: A Alemanha começa a bombardear a Grã-Bretanha

Após conquistar a França, na Segunda Grande Guerra, a Alemanha mirou conquistar o território britânico

Em 10 de julho de 1940, os alemães iniciaram um longo ataque aéreo contra a Grã-Bretanha durante a Segunda Guerra Mundial. A ataque ficou conhecido como Batalha da Grã-Bretanha ou a Batalha da Inglaterra e durou três anos e meio.

Após a Alemanha ter conquistado a França, seu próximo alvo seria a Inglaterra. No dia 10 de julho, 120 bombardeiros e caças alemães atingiram um comboio britânico que passava pelo canal, enquanto outros 70 bombardeiros atacaram estaleiros no sul do País de Gales.

Londres após um bombardeio

A Grã-Bretanha estava em desvantagem em relação ao número de caças em relação ao inimigo. 600 britânicos contra 1300 alemães. No entanto, os ingleses tinham algo que os colocava em pé de igualdade: um sistema eficientes de radar.

Assim, tornava-se improvável a realização de um ataque surpresa dos adversários. Mesmo em menor número, os caças britânicos eram mais modernos, eram os Spitfires e os Hurricanes. Após o início dos ataques, o governo britânico começou uma campanha de conscientização do povo para que entregassem todo o alumínio possível para a produção de aviões. “Vamos transformar as suas panelas e frigideiras em Spitfires e Hurricanes,” dizia o governo.

Estima-se que 40 mil civis morreram por conta dos ataques. Apesar dos bombardeiros, os britânicos resistiram e a Alemanha viu-se obrigada a adiar de forma indefinida seus planos de dominar mais essa área da Europa.

 

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios