Curiosidades

13 de março na história: Forças nazistas liquidam gueto de Cracóvia

Os guetos eram formas de dividir os judeus do resto da sociedade

Em 13 de março de 1943, as forças alemãs liquidaram com o gueto da Cracóvia. O gueto da Cracóvia foi um dos cinco guetos principais criados pelos nazistas na ocupação da Polônia, na Segunda Guerra Mundial. Era uma forma de dividir aqueles que estavam aptos ao trabalho forçado ou que não eram dignos de viver.

Nos anos anteriores, quando os nazistas estavam a ocupar o país, foi decidido que os judeus precisariam usar braçadeiras de identificação. Isso em 1939.

Em 1940, para terem uma Cracóvia “mais limpa”, o Governo Geral decidiu que os judeus precisariam se mudar de lá. Mais de 60 mil judeus foram mandados para áreas rurais do país. Apenas 15 mil puderam ficar na cidade.

O gueto em si foi formado em 3 de março de 1941, quando os 15 mil judeus foram obrigados a viverem em uma área que anteriormente só abitava 3 mil pessoas. Todo o gueto foi cercado por muros.

De 30 de maio de 1942 para frente, iniciou-se a deportação desses judeus para o campo de concentração da região.   O primeiro transporte reuniu 7 mil pessoas. Em 5 de junho o segundo, com mais 4 mil.

Em 13 e 14 de março de 1943 ocorreu a liquidação. 8 mil judeus considerados aptos para o trabalho foram transportados para o campo de Plaszow. 2 mil pessoas foram consideradas inaptas para trabalhar, essas foram mortas nas ruas do gueto. Os remanescentes acabaram sendo enviadas para Auschwitz.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios