Curiosidades

14 de abril na história: Sputnik II retorna após uma missão de 162 no espaço

O satélite soviético foi o primeiro a levar um ser vivo para o espaço,uma cadela chamada Laika

Em 14 de abril de 1958, o satélite soviético Sputnik II regressa após uma missão que durou 162 dias. Essa foi a primeira viagem espacial a levar um ser vivo para o espaço, a cadela chamada Laika.

Essa foi a segunda missão do programa Spotnik. Seu lançamento foi no dia 3 de novembro de 1957 no Cosmódromo de Baikonu, a maior base de lançamentos de foguetes do mundo, situada no Cazaquistão.

A nave pesava 543,5 kg. Dentro dela foi Laika, o primeiro ser vivo a ir para o espaço. Infelizmente, ela não sobreviveu mais que apenas algumas horas, devido à alta temperatura. Devido a pressa de Guerra Fria em desenvolver tecnologias espaciais, os cientistas não tiveram tempo para criar uma cabine de suporte de vida confiável dentro da nave. Embora ela tenha morrido em poucas horas, seus dados biológicos foram estudados por semanas enquanto estava no espaço. Um dos cientistas responsáveis pelo projeto disse que se arrependeu de ter usado o animal na missão.

Após 162 dias, em 14 de abril de 1958, o satélite retorna para a Terra. Um grande avanço na tecnologia espacial, mas sem a cadelinha, que contribuiu enormemente para e ciência espacial, já que ficou comprovado que um ser vivo poderia  tolerar bastante tempo no espaço, a uma gravidade zero.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios