CuriosidadesFutebol

7 de junho na história: Nasce o campeão mundial Bellini, em Itapira, SP

Bellini eternizou o gesto do capitão erguer a taça para cima após vencer um título.

Em 7 de junho de 1930, na cidade de Itapira, SP, nascia Hilderaldo Luiz Bellini, mundialmente conhecido como Bellini. Atuando como zagueiro, foi campeão mundial com a seleção brasileira em 1958, sendo ele o capitão, responsável por erguer o troféu.

Bellini iniciou a carreira no Itapirense e se tornou famoso enquanto jogava no Vasco da Gama, no Rio de Janeiro. Bellini defendeu o Vasco de 1952 até 1961. Depois passou pelo São Paulo entre 1962 e 1967 e Atlético Paranaense nos anos de 1968 e 1969.

Bellini era o considerado zagueiro raiz. Vigoroso, raçudo, dominava a grande área que defendia.

Pela sobriedade em sua função dentro de campo, foi o escolhido para ser o capitão da Seleção Brasileira de 1958, que disputou a Copa do Mundo na Suécia. Lá, o Brasil conquistou seu primeiro título mundial.

Ao receber a Taça Jules Rimet, já que era o capitão, Bellini a ergueu para cima com as duas mãos. O gesto aconteceu depois que fotógrafos pediram a ele para ergue-la, já que havia muita gente em volta e não conseguiam boas fotos. O gesto se imortalizou e passou a ser repetido por todos os capitães que venciam e imitavam Bellini.

Em 1960 uma estátua foi erguida para homenagear os campeões mundiais de 1958. Apesar de não possuir as feições de Bellini, a estatua ficou conhecida como “estátua do Bellini”, já que mostrava um jogador segurando a taça para cima.

Foto: Ag. Estado

Bellini faleceu em 20 de março de 2014, na cidade de São Paulo, em decorrência de complicações causadas por parada cardíaca. Ele sofreu de mal de Alzheimer durante seus últimos 18 anos de vida. Seu corpo foi velado no salão nobre do São Paulo Futebol Clube e sepultado em Itapira, sua cidade natal.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios