Gastronomia
Tendência

A História da Cerveja em 10 fatos interessantes

A cerveja é uma das bebida mais populares do mundo, imediatamente após a água e o chá, e é a bebida alcoólica mais consumida. Mas, quando foi a última vez que bebeu um copo de cerveja e pensou na rica história por trás das técnicas de produção de cerveja? Continue a ler para conhecer 10 factos curiosos sobre a produção de cerveja. Certamente fará com que a próxima cerveja lhe saiba ainda melhor!

  1. Tudo começou com pães de cevada/var/folders/w9/04kjt3t91jqc2ydnnfk6jh580000gn/T/com.microsoft.Word/WebArchiveCopyPasteTempFiles/35465-04a5e9fa26a9ce967f016f5d2ac96196d925bf34-original.jpg

Os primeiros registos relativos a cerveja têm mais de 5.000 anos, embora nessa altura tivessem um sabor bastante diferente da cerveja que atualmente conhecemos. O processo de produção de cerveja utilizado pelo Sumérios da Mesopotâmia resultava no que agora denominamos “pão de cevada”: pão mal cozido era mergulhado em água para criar uma bebida fermentada que era geralmente saboreada com mel e ervas. Visto que tinha os mesmos ingredientes de base que o pão, era considerado um recurso nutritivo. Alguns objetos cerâmicos encontrados revelam que o processo de produção de cerveja pode ser ainda mais antigo, nomeadamente com mais de 9.000 anos.

 

  1. A produção da cerveja era coisa para as mulheres/var/folders/w9/04kjt3t91jqc2ydnnfk6jh580000gn/T/com.microsoft.Word/WebArchiveCopyPasteTempFiles/34505-45fb8b496214935a5a80ae29c7d8ca0138cceb9d-original.jpg

 

Só quando o processo de maltagem foi descoberto (alegadamente pelos Mesopotâmios, em 2.000 a 3.000 A.C) é que a cerveja começou a ter um teor relevante de álcool. Até essa altura, a produção de cerveja era uma atividade nobre efetuada por mulheres ou por padres. Alguns tipos de cerveja estavam até reservados para cerimónias religiosas.

  1. Os egípcios pensavam muito na cerveja