Polícia

Acidente entre carro e moto, vítimas presas nas ferragens e tensão no simulado

Na ação, duas vítimas foram encaminhadas para a UPA, outras duas para a Santa Casa e uma para o Hospital 22

Uma manhã entre a ficção e o real. Essa foi a tônica da 3ª Ação de Conscientização e Prevenção de Acidentes de Trânsito e Simulado de Múltiplas Vítimas, promovido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), em parceria com a Prefeitura, no Espaço Cidadão.

Na ação, duas vítimas foram encaminhadas para a UPA, outras duas para a Santa Casa de Misericórdia e outra para o Hospital 22 de Outubro. O sexto personagem permaneceu em óbito no local.

Desde a chamada à central de regulação do Samu pelo pedestre até o processo final de condução das vítimas para os hospitais foram contabilizados 35 minutos. O preconizado pelo Ministério de Saúde é de até duas horas.

O tempo resposta para a chegada inicial das equipes foi de 3 minutos, enquanto o limite é de 10 minutos.

Com direito a um veículo, figurantes como vítimas do acidente, os funcionários do Samu, Corpo de Bombeiros, Guarda Civil Municipal (GCM) e secretarias municipais, a ação mostrou, na prática, a qualificação dos profissionais envolvidos em situações de risco e todo o aparato de forças de segurança municipais para ocorrências de gravidade.

Participaram das atividades, na preparação e interpretação de personagens, alunos de Enfermagem da Escola Técnica Estadual (Etec) “Pedro Ferreira Alves” e da Faculdade Professor Franco Montoro, de Mogi Guaçu.

Fonte: Prefeitura de Mogi Mirim

Mostrar mais

info24

Baixe nosso aplicativo para seu celular ANDROID e receba todas notícias diariamente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios