Geral

Atentado no Sri Lanka: número de mortos chega a 290

Explosões ocorreram em hotéis e igrejas Católicas ao mesmo tempo durante comemorações no dia de Páscoa

Subiu para 290 o número de mortes confirmadas nos ataques que ocorreram no Sri Lanka no último Domingo de Páscoa, 21. Cerca de 500 pessoas ficaram feridas. Os ataques tiveram como alvo igrejas católicas e hotéis de luxo.

O porta-voz da Polícia do Sri Lanka, Ruwan Gunasekara, anunciou que 24 pessoas foram detidas por suspeita de participação nos ataques.  Os detidos estão sendo interrogados pela divisão de investigação criminal da polícia.

A maior parte dos mortos é de cidadãos do Sri Lanka. Entretanto, há pelo menos 32 estrangeiros entre as vítimas, incluindo cidadãos da Bélgica, dos Estados Unidos, da China, do Reino Unido, da Índia e de Portugal.

Nenhum grupo reivindicou os ataques. O ministro da Defesa, Ruwan Wijewardene, disse que os ataques tiveram motivos religiosos. Sete dois oito ataques ocorridos foram causados por terroristas suicidas que se explodiram. Todos eram cidadãos de Sri Lanka, segundo o ministro.

Acredita-se que pessoas de outros países também estão envolvidas no planejamento dos atentados. Segundo o jornal New York Times, um alto integrante da polícia do Sri Lanka advertiu o governo, há 10 dias, sobre o risco de atentados contra a minoria cristã do país que estava na mira de um grupo islâmico radical chamado Thowheeth Jama’ath. Não ficou claro, no entanto, se as autoridades tomaram alguma medida de segurança. O primeiro-ministro Ranil Wickremesinghe disse que não foi informado sobre a ameaça. “Temos que verificar por que precauções adequadas não foram tomadas”, disse ele.

 

Fonte: Agência Brasil EBC

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios