Geral

Brumadinho: sobe para 224 o número de mortes confirmadas

O rompimento da barragem da Vale aconteceu no fim de janeiro e as buscas pelos desaparecidos continuam

A Devesa Civil de Minas Gerais atualizou para 224 o número de mortos confirmados na tragédia em Brumadinho, quando uma barragem da Vale se rompeu. A barragem da Mina do Córrego do Feijão rompeu-se em 25 de janeiro deste ano.

A tragédia de Brumadinho ocasionou, além da morte de funcionários da mineradora e moradores da cidade, a contaminação do Rio Paraopeba, que passou a apresentar nível de cobre 600 vezes maior do que o normal, conforme apurou a Fundação SOS Mata Atlântica.

Após o rompimento da barragem de Brumadinho, as mineradoras do Brasil passaram a reavaliar a estrutura de suas barragens. No início de abril, a Vale afirmou que 17 de suas barragens não tinham declaração de estabilidade válida.

Em decorrência da tragédia, a Vale responde a processo na Justiça para reparação dos danos às vítimas e ao meio ambiente. A empresa já teve mais de R$ 13 bilhões bloqueados por decisão judicial.

Fonte: Agência Brasil EBC

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios