Geral

Cinco engenheiros responsáveis pelo licenciamento da barragem de Brumadinho foram presos

A prisão foi feita pelo Ministério Público e Polícia Federal

Funcionários da Vale diretamente envolvidos e responsáveis pelo licenciamento da barragem que se rompeu em Brumadinho e engenheiros terceirizados que atestaram a estabilidade do empreendimento foram presos nesta terça (29), dois são terceirizados e três da Vale.

Nesta primeira operação o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), o Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF) cumprem sete mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária no intuito de apurar responsabilidade criminal pelo rompimento da barragem da mineradora no município mineiro.

Três dos presos moram na grande Belo Horizonte e outros dois em São Paulo. A prisão deles foi decretada pelo prazo de 30 dias e eles serão ouvidos pelo Ministério Público de Mingas Gerais. Documentos e provas que foram apreendidos serão analisados pelo MP.
Nesta operação que resultou na prisão dos cinco engenheiros, participaram procuradores da República de Minas Gerais e São Paulo, policiais federais com apoio de peritos em informática, geologia e mineração.

Mostrar mais

info24

Baixe nosso aplicativo para seu celular ANDROID e receba todas notícias diariamente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios