Esportes

Com a contratação de Galid Osman, Shell alinha quatro carros na Stock Car em 2019 e se torna a maior patrocinadora do automobilismo nacional

Competidor vai pilotar o carro #28 pela equipe Shell Helix Ultra e será companheiro de Gaetano di Mauro no time chefiado por Mauricio Ferreira

Galid Osman, na sede da equipe Shell Helix Ultra
Divulgação

Responsável pelo mais longevo programa de desenvolvimento de pilotos no esporte a motor brasileiro, a Shell agora se torna a maior patrocinadora do esporte a motor no Brasil. A marca firmou contrato com o Galid Osman, que vai competir em 2019 pela equipe Shell Helix Ultra. O piloto de 33 anos de idade disputará sua oitava temporada na principal categoria brasileira e será parceiro do estreante Gaetano di Mauro no time chefiado pelo engenheiro Mauricio Ferreira.

Esta será a quarta parceria entre Galid e “Maumau”, como é conhecido o chefe da equipe. O piloto defendeu a Full Time na Fórmula Renault em 2006, na Stock Light em 2009 e na própria Stock Car em 2012, seu ano de estreia na categoria.

Nas sete temporadas completas disputadas na Stock Car, Galid conquistou duas vitórias, duas poles e sete pódios.

O carro #28 será o quarto com a icônica concha da Shell no grid da categoria máxima em 2019. Além dos dois competidores da equipe Shell Helix Ultra, a marca permanece com Átila Abreu e Ricardo Zonta na equipe Shell V-Power. Com quatro carros na Stock Car, dois na Stock Light (Diego Ramos e Raphael Reis) e mais dois na Porsche Cup (dos irmãos Vitor e Felipe Baptista), a Shell é a maior patrocinadora do automobilismo brasileiro neste ano.

Além da presença nas principais categorias de turismo e gran turismo do País, a marca Shell está na F4 Alemã e F4 Italiana com Gianluca Petecof, piloto vinculado à Ferrari Driver Academy, e, no kart, com quatro representantes.

Vinda de um retrospecto invejável em 2018, com sete vitórias conquistadas nas pistas brasileiras, a Shell entra na temporada 2019 da Stock Car com altas expectativas. O ano marca o 40º aniversário da categoria, que disputa na prova de abertura, na pista gaúcha do Velopark, sua prova de número 500. O evento está marcado para 7 de abril.

Para dar suporte ao elenco da Shell na Stock Car e na Stock Light, a marca contará com a consultoria do engenheiro Gilberto Pose, profissional que há anos está presente dentro do box da Scuderia Ferrari em corridas de F1.

Evento mais antecipado do calendário, a Corrida do Milhão retorna a São Paulo, que será também o palco da decisão do título em dezembro.

Em suas 12 jornadas, a Stock Car passará ainda por Goiânia, Londrina, Curitiba, Mogi Guaçu, Santa Cruz do Sul, Campo Grande e Cascavel.

O que eles disseram:

É um sonho realizado correr defendendo uma empresa multinacional tão forte quanto a Shell. Só tenho a agradecer a todos que acreditaram nesse projeto e vou reeditar uma parceria com o Maumau na Full Time, que foi quando comecei em 2012. Foi um ano de estreia muito bom e infelizmente só saí porque meu patrocinador da época estava com outra equipe na ocasião. Então estou muito feliz em retornar. É óbvio que vai ser um ano de adaptação, como sempre é em equipe nova. Mas por eu já ter andado lá, por ter um bom relacionamento com todos na equipe -não só com o Mauricio, mas com todos os mecânicos-, acho que vai nos fazer ganhar tempo. Estou contente também por correr ao lado do Gaetano, que eu acho um dos melhores pilotos da nova geração e tem potencial para em breve disputar o título na Stock Car.

Galid Osman, piloto do carro #28

Para nós da Full Time é uma grande honra ser o time escolhido por uma empresa do porte da Shell para o campeonato da Stock Car. É uma marca que tem o automobilismo em seu DNA, voltada desde sempre para o esporte a motor e com o histórico que tem nas pistas. Estamos com dois pilotos jovens, mas um com bastante experiência na categoria, que é o Galid. Ele tem vitórias, pódios e poles e nosso projeto é retomar essa trajetória com ele. Já o Gaetano queremos que extraia o máximo de aprendizado, contando também com o repertório dos outros dois pilotos da equipe, Rubens Barrichello e Nelsinho Piquet. O Galid, coincidentemente, volta para casa, depois de muitos anos. Em 2012 ele estreou na Stock Car com a gente, em 2009, competimos de Stock Light e, em 2006, de Fórmula Renault. Então temos um histórico de três categorias com o Galid e repetimos agora na categoria máxima

Maurício Ferreira, chefe da equipe Shell Helix Full Time

A Shell acredita no esporte a motor brasileiro e é sempre gratificante mostrar isso. Estamos desde 2015 com nossa Academia, desenvolvendo talentos e dando suporte aos pilotos desde o kart, passando por classes internacionais de fórmula, até as principais categorias de turismo no Brasil. Estamos muito contentes com a chegada do Galid Osman. É um piloto que já mostrou talento, cravando poles e ganhando corridas. Confio que seu retorno à Full Time, em parceria com o Gaetano di Mauro, vai render belos resultados para a equipe Shell Helix Ultra. Pela primeira vez na história da Stock Car teremos quatro carros na categoria máxima e isso é motivo de orgulho numa temporada histórica como promete ser a de 2019.

Estamos muito contentes também em assegurar a presença do Gilberto Pose em boa parte do calendário da Stock Car. Pose tem um repertório único no esporte a motor, frequentando há muitos anos os bastidores da Scuderia Ferrari. Certamente terá muito a agregar em nosso pacote técnico

Vicente Sfeir, gerente de motorsport e patrocínios da Raízen

Sobre a Raízen:

A Raízen, licenciada da marca Shell no Brasil, se destaca como uma das empresas de energia mais competitivas do mundo e uma das maiores em faturamento no Brasil, atuando em todas as etapas do processo: cultivo da cana, produção de açúcar, etanol e energia, comercialização, logística interna e de exportação, distribuição e varejo de combustíveis. A companhia conta com cerca de 30 mil funcionários, que trabalham todos os dias para gerar soluções sustentáveis que contribuam para o desenvolvimento do país, como a produção de bioeletricidade e etanol de segunda geração a partir dos coprodutos da cana-de-açúcar. Com 26 unidades produtoras, a Raízen produz cerca de 2,0 bilhões de litros de etanol por ano, 4,2 milhões de toneladas de açúcar e tem capacidade para gerar cerca de 940 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana-de-açúcar. A empresa também está presente em 66 bases de abastecimento em aeroportos, 67 terminais de distribuição de combustível e comercializa aproximadamente 25 bilhões de litros de combustíveis para os segmentos de transporte, indústria e varejo. Conta com uma rede formada por mais de 6.000 postos de serviço com a marca Shell, responsáveis pela comercialização de combustíveis e mais de 950 lojas de conveniência Shell Select. Além disso, a companhia mantém a Fundação Raízen, que busca estar próxima da comunidade, oferecendo qualificação profissional, educação e cidadania. Criada há mais de 14 anos, a Fundação Raízen possui seis núcleos no interior do estado de São Paulo e um em Goiás e já beneficiou mais de 13 mil alunos e mais de 4 milhões de pessoas com ações realizadas desde 2012.

Mostrar mais

info24

Baixe nosso aplicativo para seu celular ANDROID e receba todas notícias diariamente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios