Polícia

Ladrão de banco oferece R$ 53 mil para não ser preso por PMs de Força Tática

Mogi Guaçu

Os PMs de Força Tática, Cabo Luciano, Cabo Goulart e Soldado Scarabello realizavam patrulhamento ostensivo na tarde desta segunda (29), quando pelo Jardim Imperial, zona leste quando avistaram um indivíduo que demonstrou muito incômodo com a presença policial, motivando uma abordagem apurada.

Na revista pessoal nada de ilícito foi encontrado, no entanto, a CNH apresentada como documento pessoal era falsa, estava em nome de Jurandir Rosa dos Santos e na verdade seu nome é Mauro Ávila.

Mauro confessou ter comprado o documento em São Paulo e o motivo é que o mesmo era procurado da Justiça de Minas Gerais por ter participação em roubo em bancos e tráfico de drogas.

Para evitar a sua prisão, Mauro ofereceu aos PMs R$ 53.015,00, ele disse que o dinheiro estava em sua casa, o mesmo foi encontrado pela equipe em um forno de fogão.

Diante dos fatos foi dada voz de prisão ao indiciado Mauro por corrupção ativa, uso de documento falso e procurado da justiça. O mesmo ficou preso na Central de Polícia Judiciária e encontra-se encarcerado á disposição da Justiça.

Mostrar mais

info24

Baixe nosso aplicativo para seu celular ANDROID e receba todas notícias diariamente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios