Política

Paulo Guedes é chamado de “tchutchuca” no Congresso e responde “É a mãe e a sua avó”

Durante a CCJ, o ministro, que tentava explicar a Reforma da Previdência foi provocado diversas vezes por parlamentares da oposição

A Comissão de Constituição de Constituição e Justiça (CCJ) sobre a reforma da Previdência acabou em bate boca e troca de palavrões. Enquanto o ministro Paulo Guedes tentava explicar para os deputados a Reforma da Previdência ele acabou sendo interrompido diversas vezes pelos deputados.

O deputado Zeca Dirceu (PT-PR), filho de José Dirceu, o acusou de ser “tigrão” com os aposentados, idosos de baixa renda e agricultores, mas “Tchutchuca” com privilegiados do Brasil.

Guedes respondeu: “Tchutchuca é a mãe, é a sua avó”. Zeca começou a crítica perguntando a razão da reforma não afetava os banqueiros.

Paulo Guedes foi chamado de mentiroso várias vezes pela oposição que não o deixava falar. Durante uma resposta sobre a aposentadoria das empregadas domésticas alguns deputados começaram a interromper sua resposta. Nesse momento Guedes os atacou. “Por que vocês não botaram imposto sobre dividendos, por que deram dinheiro para a JBS?”. Se voltando para os parlamentares, Guedes rebateu: “Nós estamos há três meses e vocês tiveram 18 anos (de poder) e não tiveram coragem de mudar”, esbravejou o ministro.

Diante da gritaria, Guedes reagiu: “A Casa não está me respeitando. A Casa não me dá o direito de falar”.

O presidente da CCJ, Felipe Francischini (PSL-PR), precisou acabar com a audiência.

 

Fonte: R7.com

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios