Geral

Servidores do sistema socioeducativo estão em greve desde quarta (09)

Fundação Casa

A categoria reivindica melhores condições de segurança e saúde. Com a paralisação as visitas as unidades do sistema prisional que atendem menores em conflito com a lei, serão suspensas.

A greve foi ratificada em assembléia onlaine, que aconteceu na manhã do último Sábado (05).

Segundo, A Presidente do sindicato que representa a categoria (SITSESP), a Sra° Cláudia Maria, afirma que a “Decisão da categoria é Soberana! Formamos um comando de greve, e a mesma é por tempo indeterminado”.

Segundo o sindicato, os AGENTES e funcionários de outros setores, estão desde 2015, sem aumento real nos salários e nem mesmo a reposição da inflação, além de um retrocesso a benefícios conquistados por outras administrações sindicais, como por exemplo, a extinção do GRUPO DE APOIO (Grupo de Apoio ou choquinho, era composto por funcionários da instituição com treinamento especializado, para conter situações limites, dentro das unidades).

Além disso, um aumento ABSURDO no valor do plano médico que em vista da Pandemia/Stress e Periculosidade enfrentados por tais servidores, deveria ser oferecido de maneira gratuita. Porém, nem máscaras aos servidores, é ofertado pela instituição😔.

O resultado disso, tem sido a morte de funcionários vítimas da covid-19 e também o registro de suicídio dentro da categoria.

GOVERNO

O governador João Doria, por meio do atual presidente da Fundação Casa (Antiga Febem), afirma que por conta do Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus (COVID-19), estabelecido pela Lei Complementar nº 173/2020, “está proibida a concessão de reajuste ou a modificação da remuneração de servidores públicos, assim como a criação de bônus ou benefícios de qualquer natureza relacionados ao custo com o quadro de servidores.

CONTRADIÇÃO

Ao mesmo tempo que o Governador nega aceitar e negociar com a categoria, ele oferta renúncias fiscais a amigos empresários de (SP).

Aumentou a alicota de ICMS, em cima de alimentos e remedios.

Concedeu reajuste e aumento nas praças de pedágio para às 13 concessionárias que detém a exploração das rodovias paulistanas.

Tudo isso só em 2020!

CATEGORIA

Os funcionários desta instituição sucateada, chamam a atenção da sociedade para a dor de pais e mães de família, homens e mulheres que se sacrificam para prestar o melhor serviço a população, que saem de suas casas rezando para que consigam voltar, haja visto que não temos uma política séria de Segurança Pública no Estado de SP.

DENÚNCIA

A categoria pede a promotoria, corregedoria geral, que além de investigarem os servidores, que também o façam para com os contratos milionários firmados com tercerizadas que não prestam um serviço digno a categoria e a população.

Mostrar mais

info24

Baixe nosso aplicativo para seu celular ANDROID e receba todas notícias diariamente.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios