Geral

Sobe para 10 o número de mortos em desabamento no Rio

As buscas continuam. Pelo menos 14 continuam desaparecidos

Além de 100 bombeiros, mais 30 técnicos e engenheiros do exército estão trabalhando nas buscas por desaparecidos nos prédios que desabaram no Rio de Janeiro. O número de mortos subiu para 10 e 14 ainda estão desaparecidos.

O Comando Militar do Leste informou ontem, 14, que os militares trabalham principalmente na retirada de escombros, na quebra de lajes e na abertura de passagens para as equipes de busca dos bombeiros.

O risco de um novo desabamento impossibilita a utilização de máquinas pesadas na busca. Mesmo assim, o trabalho conta com a ajuda de um trator multiuso, uma retroescavadeira, um caminhão com munck, um compressor de ar, tesouras elétricas, tesourão manual e martelete com rompedor.

As buscas também utilizam cães farejadores e informações dadas pelos moradores da área.

Os prédios vieram a baixo depois de uma forte semana de chuva no Rio de Janeiro. A previsão é que essa semana continue chovendo.

 

Fonte: Agência Brasil EBC

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios